11.3.08

Escola pública x privada - III



Uma amigona, educadora e advogada, me ligou pra comentar meu último texto. Disse que a idéia de processar o estado para reaver o dinheiro mal aplicado na educação é fantástica e que, no mínimo, geraria uma discussão das mais saudáveis. Daí me pergunta: "mas o processo seria contra quem? Prefeitura, Estado ou União? Porque a educação passa por muitas instâncias. Teríamos que escolher uma." Me senti o Didi: "Cuma?...A...acho que tem que processar o Brasil". Mas que Brasil seria este? Se coloco a prefeitura no pau, o estado se safa com sua incompetência educacional múltipla. Se processo o estado, como ficam as escolas municipais? E se vamos pro governo federal, ele vai jogar a culpa nos municípios. Conclusão: o que safa a safadeza é a falta de um rosto. Quem leu o texto da Cristiane Fetter sobre a educação nos EUA vê que lá é muito mais fácil responsabilizar alguém. http://ofuturodopresente.blogspot.com/2007/07/educao-como-que-parte-1.html
http://ofuturodopresente.blogspot.com/2007/07/educao-como-que-parte-2.html

A Telma colocou um comentário muito bom: que filho de político tinha que frequentar a escola pública. Vou além. Político não é o gestor da máquina pública? Pois então tem que usá-la. Todo político deveria se candidatar sabendo que, se eleito, ele e sua família teriam que usar a saúde pública, o transporte público, a educação pública e etc como parte do seu novo emprego. Não concorda? Não se candidate. Ou fica parecendo o dono de restaurante que come no restaurante do lado. É porque alguma coisa tá errada na cozinha dele, certo? Como podem os próprios gestores do setor público, que ganham muitíssimo bem por isso, só usarem o setor privado?! É uma aberração! Uma falta de respeito com quem paga o salário deles.

É disso que o Brasil precisa. De donos de restaurante dispostos a comer da própria comida. Depois da diarréia coletiva, tenho certeza que o cardápio melhoraria para todos.

.

3 comentários:

Silvia D. Schiros disse...

Adorei, tô até imaginando os políticos com diarréia coletiva. ;-)

E não dá para processar todas as instâncias do governo? Atribuir a cada uma as suas responsabilidades?

Ana Cláudia Bessa disse...

Estou com a Silvia.


Pensei na mesma coisa, processar todas.
E o Ministério Público? Ninguém conhece nenhum Promotor prá gente levantar a pauta?

Carolina disse...

A melhor descoberta da semana foi este blog. Sem dúvidas.

Adorei! Estou lendo os textos mais antigos e me apaixonando.

Sou a mãe de uma mocinha de 04 anos, chamada Ana Luiza.

Pois bem, já sou fã!

Abraços.