22.11.10

Jabá sem fins lucrativos - Caixa de Brincar





Jabá sem fins lucrativos - Caixa de Brincar

Adriana poderia ser como todas nós, mães que tentam, mas deu a sorte de ter o Paulão como filhote.

Paulão nasceu sem imunidade nenhuma (lembra do Menino na Bolha de Plástico?) e precisou se submeter a um transplante de medula óssea ainda bebê. Durante o longo e extremamente árduo processo, Adriana vestiu a capa, largou casa, carreira, vida própria e tudo o mais que costumamos levar na bagagem e lutou como uma leoa pela vida do filho.

Sairam dessa todos vivos, saudáveis, mas a Dri em especial desenvolveu um senso extremamente apurado para os momentos curtidos entre pais e filhos. Esteja onde estiver, nunca a vi desperdiçar um.

Desse dom que ela acabou adquirindo, veio uma idéia simples e muito criativa. Produzir kits de atividades para pais e filhos fazerem juntos. Nascia a Caixa de Brincar, nome que o próprio Paulo escolheu para as caixas que a mãe monta e testa sempre com ele antes de colocá-las a venda.

As Caixas são bem artesanais, montadas a mão, com o maior carinho. E não vem com nenhum brinquedo pronto. Só com coisas de fazer: bijuterias, panetone, massinha caseira, salãozinho de beleza, ferramentas (de verdade!), pipas, hortas etc. A Dri vai inventado e testando. Já produziu até uma Caixa de Fazer Livros em Casa e outra de Texturas (com deliciosos carimbos feitos de aniz).

Para conhecer mais sobre a história da Dri e do Paulo, o endereço do blog do Paulão é http://paulovinha.blogspot.com.

O endereço do site da Caixa de Brincar é www.caixadebrincar.com.br A Adriana também monta caixas personalizadas e lembranças não açucaradas para festas infantis.

6 comentários:

Andréa disse...

Adorei! Tava querendo uma coisa dessas mesmo pros meus filhotes!

E as lembranças não açucaradas vem bem a calhar para o próximo níver da Yumi. ;)

Beijão.

Anônimo disse...

Tais, que texto lindo... A "caixa" é uma maneira de estar um pouco mais junto do Paulo e de criar com ele maneiras diferentes de dar o que sempre ganhamos, muito, muito, muito carinho.
Estou super honrada, um grande beijo, Dri

mural do ajosan disse...

Genial sua ideia e boa sugestão; grande abraço.

Ministério disse...

Olá, blogueiro (a),
Salvar vidas por meio da palavra. Isso é possível.
Participe da Campanha Nacional de Doação de Órgãos. Divulgue a importância do ato de doar. Para ser doador de órgãos, basta conversar com sua família e deixar clara a sua vontade. Não é preciso deixar nada por escrito, em nenhum documento.
Acesse www.doevida.com.br e saiba mais.
Para obter material de divulgação, entre em contato com comunicacao@saude.gov.br
Atenciosamente,
Ministério da Saúde
Siga-nos no Twitter: www.twitter.com/minsaude

disse...

Que idéia maravilhosa! Ja' divulguei entre meus amigos e acho que vou falar la' no blog também.

Vamp Plush Poison disse...

Minha filha ganhou um brinquedo desses no ano passado... foi uma maravilha. Super estimulante e criativo !!!