23.6.17

A xota na TV




A xota na TV

Lado A

O menino assiste TV. De repente, sua série preferida é interrompida por uma xoxota gigante, 42 polegadas, em close ginecológico.

Ele pula do sofá e sai gritando pela casa:

“Tem uma xoxota na TV! Tem uma xoxota na TV! Mãe, mano…quem tá vendo pornô?”

A mãe e o irmão mais velho chegam rapidamente. O irmão é o primeiro a falar:

“Nossa, é mesmo! Tem uma xoxota na TV! Você tava vendo pornô, Fulaninho?”

“Eu não! Tava vendo uma série. De repente essa xoxota aí apareceu na frente da TV”.

A mãe faz expressão de brava:

“Se não foi o Fulaninho, foi você, Beltrano. Você tava vendo pornô?”

“Não, né. Tava estudando pro vestibular. Nossa, como será que isso aconteceu? Será que foi o vizinho?”

O pequeno olha pra tela intrigado:

“Olha, ela está deitada em cima de uma toalha cor de rosa. Epa, pera aí…Mãe! Você está enrolada na mesma toalha! ESSA XOXOTA É SUA!!!!!”

“Que absurdo! Claro que não! Como minha xoxota ia aparecer na TV?! Vocês ficam vendo putaria e querem por culpa em mim!”

O filho mais velho pega o controle remoto e desliga a TV, ao mesmo tempo em que dá o veredito final:

“Mãe, essa xoxota é sua.”

“Credo, mãe…que nojo!”, diz o filho menor, “Já pensou se estou com meus amigos?!”

A mãe sai da sala xingando enquanto se enrola melhor na toalha rosa.


Lado B

A mãe está deitada na cama, após uma sessão de depilação caseira.

Essa sessão tinha sido diferente. Eliselma, a depiladora, havia sugerido um novo modelito e a mãe, que nunca foi de inovação nessas partes, resolveu aceitar.

Eliselma tinha acabado de sair e a mãe ficou curiosa pra ver o resultado.

Não tinha espelho à mão, daí se lembrou que os filhos usam o celular pra tudo. Resolveu imitar. Pegou o celular, mirou, localizou e bateu a foto.

Na mesma hora ela escuta o filho menor berrar:

“Tem uma xoxota na TV! Tem uma xoxota na TV! Mãe, mano…quem tá vendo pornô?”

A mãe entra em pânico! O celular pula da sua mão. Não sabe o que apertar pra desfazer.

Se enrola na toalha e corre pra sala. O que vê na tela a deixa em estado catatônico: sua xereca escancarada em Kodachrome Dolby Stereo 3D High Definition.

Não tem noção de como conseguiu o feito, mas tem certeza que aquela xoxota é sua.

Resolve manter a autoridade e pergunta com voz dura quem estava vendo pornô. 

O plano estava indo bem, mas tinha a toalha. A maldita toalha rosa. A mesma do xoxotão. 

O pequeno é esperto e logo liga o lé com o cré: “MÃE, ESSA XOXOTA É SUA!!!!!”

A mãe decide sair de campo, mas sai xingando.

Epílogo

À noite na hora da janta, as histórias se unem e tudo se esclarece diante do pai que cai na gargalhada.

A mãe ainda não entende esse negócio de emparelhar celular com TV. Mas aprende que em caso de intimidades deve antes desligar o wi-fi ou, melhor ainda, usar um espelho.

Naquela noite, acordou umas cinco vezes assustada com a sensação de estar sendo observada.

Naquela semana, teve que conviver com o pequeno berrando pela casa: “Atenção, atenção! Vazou um nude da mãe!” 

E, para o resto da vida, todas as vezes que alguém estava com dificuldade em conectar o celular na TV, escutava um dos filhos dizendo em voz alta:

“Chama a minha mãe que ela te ajuda”.



5 comentários:

Francisco José Lacaz Ruiz disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Francisco José Lacaz Ruiz disse...

Isso foi invenção da sua cabeça ou foi sua cabeça que não soube lidar com as invencionices da modernidade?rsrsrsrsrssrsrsrsrsrsrsrsrsrsrssr

Luis disse...

Essa história é impagável! Morrendo de rir

hilda disse...

Muito boa!! Rindo demais!

Luciane Trapp disse...

Rindo baldes kkkkk!!!