4.12.13

Mãe, você é incompetente.




Mãe, você é incompetente.

Você não vai conseguir parir. Mas não se preocupe, médicos treinados e maternidades equipadas tirarão esse bebezinho da sua barriga num piscar de olhos, sem correr risco de você atrapalhar o parto ou o final de semana da equipe. 

Você não vai conseguir amamentar. Mas não se preocupe, multinacionais da maior idoneidade produzem mamadeiras e fórmulas sensacionais, que alimentarão seu bebezinho até melhor que essas suas tetas. 

Você não vai conseguir cuidar da família e da carreira. Mas não se preocupe. Uma extensa rede de babás, berçários e escolinhas darão café da manhã, almoço, banho, janta e colo, para que seu filho cresça feliz e você não perca o foco. 

Você não vai ter tempo para fazer comida caseira. Mas não se preocupe, nas prateleiras das melhores casas do ramo você encontrará potinhos de comida pronta tão deliciosa, que seu bebê nem vai perceber que não foi preparada na sua cozinha. 

Você não vai conseguir convencer seu filho a comer alimentos saudáveis. Mas não se preocupe. Os sucos de caixinha são a pura fruta. Os biscoitos não tem gordura trans. As redes de fast food agora servem frutinhas. Bolos prontinhos são praticamente como os da vovó. E não há deficiência alimentar que um bom copo de achocolatado não corrija. 

Você não vai conseguir entreter seu filho. Mas não se preocupe. Canais infantis, aipodi, aipedi, aibuque, uí, ds, ps e atividades extra-curriculares de A a Z ocuparão todo o tempo do seu pequeno sem que você consiga entediá-lo. 

Você de vez em quando vai tentar fazer as coisas de outro jeito. Mas não se preocupe. Parentes, especialistas, profissionais e palpiteiros vão ajudá-la a recuperar o bom senso, criticando-a, enchendo-a de temores, chamando você de louca, antiquada e imprudente. 

Porque, mãe, hoje é tudo muito mais fácil. O mundo evoluiu e a maternidade precisava acompanhar. Para que sofrer, não é mesmo? 

E você ainda pode pagar no crédito, débito ou boleto.




Imagem tirada daqui.